Periodicidade de publicação de poemas

Caros leitores:
Espero que desfrutem na visita a este espaço literário. Este sítio virtual chama-se “Maria Mãe” e tem como página principal os poemas de Maria Helena Amaro.

segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

Pausa


(Ilustração de Maria Helena Amaro)

A dor tornou-se espanto...
O riso fez-se pranto...
O sonho desencanto...
E aqui
neste meu canto
se me deito
ou me levanto
é sempre o mesmo quebranto:
rezar a tudo o que é santo
Só por ti e só por ti
que te cubra com seu manto...
Que eu,
que eu, aqui neste recanto
ainda não te esqueci.

Maria Helena Amaro
1 de novembro de 2010

Sem comentários:

Publicar um comentário