Periodicidade de publicação de poemas

Caros leitores:
Espero que desfrutem na visita a este espaço literário. Este sítio virtual chama-se “Maria Mãe” e tem como página principal os poemas de Maria Helena Amaro.

domingo, 27 de dezembro de 2015

Barco


(Ilustração de Maria Helena Amaro)

Coração barco encalhado,
em praias de nostalgia,
dia e noite alpendurado
em marés de rebeldia.

Coração barco ancorado
da velha areia não sai...
Vai ficar desmantelado...
onda vem... e onda vai...

Coração barco apressado
junto à negra penedia...
do farol enfeitiçado,
à mercê da ventania...

Há de Deus trazer-lhe o leme
numa noite de luar...
Coração que tanto geme
será barco a navegar...

Maria Helena Amaro
Esposende
Janeiro/2014

Sem comentários:

Publicar um comentário